A gestão da informação e a competência em informação: subsídios para o âmbito empresarial

  • Beatriz Rosa Pinheiro dos Santos Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho" - Faculdade de Filosofia e Ciências (Câmpus de Marília)
  • Ieda Pelogia Martins Damian

Resumen

Todos os dias, um grande volume de informação é descarregado sobre as organizações sem que exista um plano de gestão deste recurso, prejudicando os processos de trabalho, que exigem do funcionário competência efetiva frente ao uso dessas informações. Assim, essa pesquisa tem por objetivos inter-relacionar a gestão da informação e a competência em informação como processos que possam subsidiar as práticas de trabalho das organizações inseridas no contexto empresarial. O problema de pesquisa se define: como a gestão da informação e a competência em informação podem contribuir para as organizações inseridas no contexto empresarial? Por que a gestão da informação necessita da competência em informação e vice-versa? Para tanto, utilizou-se como metodologia uma pesquisa do tipo bibliográfica e de natureza qualitativa, onde foi realizado um levantamento de materiais relevantes sobre os conceitos em questão. Os resultados demonstraram que se torna relevante unir esses campos da ciência da informação (gestão da informação e competência em informação) e inseri-los no ambiente organizacional, a fim de otimizar os processos diários relacionados às práticas de trabalho e às tomadas de decisões. Essa inter-relação pode ser apontada como um planejamento estratégico para o alcance da vantagem competitiva e êxito no mercado.

Descargas

Los datos de descarga aún no están disponibles.

Biografía del autor

Beatriz Rosa Pinheiro dos Santos, Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho" - Faculdade de Filosofia e Ciências (Câmpus de Marília)

Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação (PPGCI) da Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho" - Faculdade de Filosofia e Ciências (Câmpus de Marília), vinculada à linha de pesquisa: Gestão, Mediação e Uso da Informação

Citas

American Library Association (1989). A progress report on information literacy: an update on the American Library Association Presential Commitee on Information Literacy: final report. Recuperado de http://www.ala.org/acrl/publications/whitepapers/progressreport.

Assis, W. M. (2008). Gestão da informação nas organizações: como analisar e transformar em conhecimento informações captadas no ambiente de negócios: exemplos práticos. Belo Horizonte: Autêntica Editora.

Belluzzo, R. C. B., Kobayashi, M. C. M., e Feres, G. G. (2004). Information literacy: um indicador de competência para a formação de professores na sociedade do conhecimento. Educação temática Digital, 6(1), 81-99. Recuperado de https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/etd/article/view/1004

Belluzzo, R. C. B. (2007). Construção de mapas: desenvolvendo competências em informação e comunicação. Bauru: Cá entre Nós.

Belluzzo, R. C. B., Santos, C. A., e Santos, V. C. B. (2016). A competência em informação em articulação com a inteligência competitiva no apoio ao alinhamento estratégico das informações nas organizações. Perspectivas em gestão & conhecimento, 6(esp). Recuperado de http://periodicos.ufpb.br/index.php/pgc/article/viewFile/27388/14771.

Boccato, V. R. C. (2006). Metodologia da pesquisa bibliográfica na área odontológica e o artigo científico como forma de comunicação. Revista de Odontologia da Uniersidade Cidade São Paulo, 18(3), 265-274.

Choo, C. W. (2003). Gestão de informação para a organização inteligente: a arte de explorar o meio ambiente. Lisboa: Caminho.

Davenport, T. H. (1998). Ecologia da informação: por que só a tecnologia não basta para o sucesso na era da informação. São Paulo: Futura.

Dias, M. M. K., e Belluzzo, R.C.B. (2003). Gestão da informação em ciência e tecnologia sob a ótica do cliente. Bauru: Edusc.

Doyle, C. S. (1994). Information literacy in an information on society: a concept for the information age. Syracuse: Eric.

Fonseca, J. J. S. (2002). Metodologia da pesquisa científica. Fortaleza: UEC.

González de Gómez, M. N. (1999). Da política de informação ao papel da informação na política contemporânea. Revista internacional de estudos políticos, 1(1), 67-93.

McGee, J., e Prusak, L. (1994). Gerenciamento estratégico da informação. Rio de Janeiro: Campus.

Moraes, C. R. B., e Fadel, B. (2008). Perspectivas metodológicas para el estudio de la gestión de la información en ambientes Informacionales de las organizaciones. IBERSID: revista de sistemas de información y documentación, 2, 33-41. Recuperado de http://ibersid.eu/ojs/index.php/ibersid/article/view/2199/1960.

Moraes, C. R. B, e Fadel, B. (2009). A informação no contexto organizacional: tipos, características e usos. IBERSID: Revista de sistemas de información y documentación, 3, 61-65. Recuperado de http://www.ibersid.eu/ojs/index.php/ibersid/article/view/3724.

Passos de Oliveira, J. S. (2010). A gestão da informação como suporte ao processo de tomada de decisão em uma instituição pública de ensino superior: um estudo de caso. Dissertação de Mestrado. Universidade Federal do Paraná, Curitiba.

Ponjuán Dante, G. (2004). Gestión de información: dimensiones e implementación para el éxito organizacional. Rosario: Nuevo Parhadigma.

Tarapanoff, K. (Org.) (2001). Inteligência organizacional e competitiva. Brasília: Editora Universidade de Brasília.

Valentim, M. L. P. (2002). Inteligência competitiva em organizações: dado, informação e conhecimento. DataGramaZero, 3(4). Recuperado de http://www.brapci.ufpr.br/brapci/_repositorio/2010/01/pdf_f589d25523_0007468.pdf.

Valentim, M. L. P. (nov. 2004). Gestão da informação e gestão do conhecimento: especificidades e convergências [Infohome]. Recuperado de http://www.ofaj.com.com/colunas_conteudo.php?cod=88.

Yafushi, C. A. P. (2015). A competência em informação para a construção de conhecimento no processo decisório: estudo de caso na Duratex de Agudos (SP). Dissertação de Mestrado, Universidade Estadual Paulista, Marília.
Publicado
Oct 9, 2017
Cómo citar
Pinheiro dos Santos, B., & Martins Damian, I. (2017). A gestão da informação e a competência em informação: subsídios para o âmbito empresarial. Palabra Clave (La Plata), 7(1), e028. doi:10.24215/18539912e028
Sección
Dossier: Gestión de la información: dilemas y perspectiva

Palabras clave

Gestão da Informação; Competência em Informação; Contexto Empresarial; Ciência da Informação; Inter-relação; Planejamento Estratégico